Foto: Erik Reis

Letras e Tempestades  Ano03


Carnaval... cinzas... março...

João Santiago

A nossa memória não amanheceu.

Frio.

Frio dentro de mim,

na permanência do que sempre pergunto.

Fevereiro já é quase março

e volto a ter sono na hora de acordar.

As máscaras:

cinzas, num chão de uma quarta-feira de cinzas.

Nada mais.



Escrito por Simone Oliveira às 17h06



[ ver mensagens anteriores ]
 

Simone Oliveira

simone.artes@gmail.com

 

LETRAS E TEMPESTADES:

Entre, aqui a vida vira arte, e escrevo com sangue as minhas poesias e tempestades.

 

STORM LINKS:

 Escuridão do Escorpião
 Traduzir-se
 
Observador
 
Mulheres Russas
 
Sol de Primavera
 
Alex Sens
 
Pretensos Colóquios
 
Pedra Brasileira
 
Manoela Afonso
 
Colcha de Retalhos



A lua em sua fase atual
...

...a me encantar os olhos.